Tupã - Sistema Online de Apoio a Eventos do CLAEC, II Encontro Humanístico Multidisciplinar e I Congresso Latino-Americano de Estudos Humanísticos Multidisciplinares

Tamanho da fonte: 
O RACIOCÍNIO MATEMÁTICO EM JOVENS COM SÍNDROME DE DOWN
Maiara Kath Kringel

##manager.scheduler.building##: Campus Jaguarão
##manager.scheduler.room##: Sala 312
Data: 12-11-2016 08:30 AM – 11:30 AM
Última alteração: 20-10-2016

Resumo


O ensino da matemática prevê pré-requisitos necessários à construção do pensamento lógico, que podem ser aferidos pelas provas operatórias de Piaget. Esta pesquisa teve por objetivo descrever e analisar a aquisição de pré-requisitos necessários ao desenvolvimento de relações matemáticas de jovens com Síndrome de Down. Para tanto, aplicou-se e analisou-se 4 diferentes provas operatórias de Piaget, em 6 jovens com Síndrome de Down. Esta é uma pesquisa de cunho qualitativo e que, num segundo momento, será de intervenção. Após a aplicação e de acordo com os resultados, serão planejadas atividades que favoreçam a aquisição destas habilidades. Os resultados indicam que nas provas de conservação de quantidades e seriação a maioria teve um fraco desempenho; já nas provas de classificação e inclusão de classes a maioria mostrou um desempenho melhor. Com os dados obtidos percebeu-se que a maioria dos sujeitos não possui os pré-requisitos necessários ao desenvolvimento de relações matemáticas totalmente solidificados. Analisando os resultados, pretende-se dar continuidade a esta pesquisa planejando atividades de intervenção que favoreçam a aquisição de habilidades necessárias ao desenvolvimento de relações matemáticas.