Tupã - Sistema Online de Apoio a Eventos do CLAEC, II Encontro Humanístico Multidisciplinar e I Congresso Latino-Americano de Estudos Humanísticos Multidisciplinares

Tamanho da fonte: 
Panorama da folkcomunicação e do pensamento decolonial no simbolismo das Carrancas do São Francisco para o desenvolvimento Local
Betania Maciel, Ricardo Brandão

##manager.scheduler.building##: Campus Jaguarão
##manager.scheduler.room##: Sala 304
Data: 11-11-2016 08:00 AM – 11:30 AM
Última alteração: 20-10-2016

Resumo


O estudo conjunto das expressões e significados das imagens na folkcomunicação surge como uma rica vertente, na relação entre a cultura popular do Brasil e a cultura popular medieval e renascentista. Neste artigo, focalizou-se a concepção iconológica das carrancas do São Francisco norteadas por essa relação. Assim traçado  um panorama da folkcomunicação e do pensamento decolonial no simbolismo das carrancas do São Francisco para  a busca do desenvolvimento local. Como aporte teórico Luis Beltrão, Marques de Melo, cascudo e Bakhtin deram  suporte para o estudo  e  descoberta em torno das relações e influências entre o cânone do realismo grotesco da idade média e do renascimento como inspiração simbólica dos elementos presentes no imaginário da cultura popular.

Palavras-Chave: Folkcomunicação; Sociedade; Decolonialidade; Carrancas; Pernambuco; Desenvolvimento.


Texto completo: PDF