Tupã - Sistema Online de Apoio a Eventos do CLAEC, II Congresso Internacional Online de Estudos sobre Culturas

Tamanho da fonte: 
QUESITO HARMONIA EM DESTAQUE NO CARNAVAL: APROXIMAÇÕES E DISTANCIAMENTOS ENTRE O MANUAL DOS JULGADORES DOS DESFILES DAS ESCOLAS DE SAMBA DO RIO E SÃO PAULO.
Laio Lopes

Última alteração: 24-06-2020

Resumo


Baseado no julgamento do quesito harmonia, a proposta deste artigo visa comparar os manais de julgadores do desfile das Escolas de Samba do Rio de Janeiro e São Paulo e seus métodos e critérios avaliativos. Traremos como alvo da investigação o julgamento em harmonia da primeira agremiação que desfilou no grupo especial de São Paulo-SP e do Rio de Janeiro-RJ no ano de 2019, respectivamente o G.R.E.S Colorado do Brás e o G.R.E.S Império Serrano. Destacam-se as concepções oriundas de cada julgamento e a influência na interpretação dos jurados na atribuição de notas. Através da análise documental dos manuais disponibilizados para os julgadores que avaliam os quesitos, foi observado que a organização textual dos documentos que norteiam o quesito pesquisado podem gerar possibilidades de maior ou menor adequação ao estilo dos julgadores, determinando o resultado final dado para quesito. As diferentes formas de avaliar o quesito adotadas nos carnavais do RJ e SP mostram as singularidades guardadas na manifestação do carnaval. As culturas, regionalismos e as produções artísticas se representam com semelhanças e diferenças balizados por métodos e crivos de notas e justificativas atribuídos pelos julgadores.    Assim, os manuais do Carnaval do Rio e São Paulo assumem um papel importante na produção cultural dos dois desfiles que recebem maior atenção do público e da grande mídia.


Texto completo: PDF